30 de junho, de 2022 | 07:20

Garantir um envelhecimento com dignidade é pensar em todos, defende assistente social

Mesmo com o encerramento da campanha, as discussões precisam continuar

Marcello Casal jr/Agência Brasil
Segundo o presidente do Conselho Municipal dos Direitos da Pessoa Idosa de Ipatinga, precisam ser criadas políticas públicas que possibilitem que a pessoa idosa permaneça ativa na comunidadeSegundo o presidente do Conselho Municipal dos Direitos da Pessoa Idosa de Ipatinga, precisam ser criadas políticas públicas que possibilitem que a pessoa idosa permaneça ativa na comunidade

Junho chegou ao fim. O mês dedicado a campanha Junho Violeta, voltado à conscientização da violência contra a pessoa idosa, trouxe reflexões importantes sobre o cuidado com os idosos. Mesmo com o encerramento da campanha, as discussões precisam continuar.

“Este é um tema que ainda é tabu, pois, em muitas vezes a violência acontece no seio familiar, muitas pessoas não conseguem compreender alguns comportamentos como violência”, explicou Vasco Lagares, assistente social e presidente do Conselho Municipal dos Direitos da Pessoa Idosa de Ipatinga.

Desvalorização

O assistente social lamenta ainda o fato de vivermos em uma comunidade que não valoriza os idosos. “É muito triste uma sociedade que não valoriza a pessoa idosa, mesmo muitas famílias tendo na aposentadoria ou no benefício do idoso sua fonte de sustentação”.

E essa desvalorização acaba contribuindo com o cenário de abandono. “Nossa sociedade valoriza muito o que é considerado produtivo. Então, quando envelhecemos, nos aposentamos, deixamos de produzir. É uma visão utilitária que se constrói das pessoas. Muitos consideram a pessoa idosa como o peso, o que não pode contribuir mais. Então descartam, deixam isolados, deixam de lado”, refletiu.
Arquivo pessoal
 Vasco Lagares, assistente social e presidente do Conselho Municipal dos Direitos da Pessoa Idosa Vasco Lagares, assistente social e presidente do Conselho Municipal dos Direitos da Pessoa Idosa

Mudanças

Para o presidente do Conselho Municipal dos Direitos da Pessoa Idosa de Ipatinga essa situação pode ser transformada por meio da educação. “Precisamos de um investimento muito grande em educação, principalmente com ênfase em ações intergeracionais, para valorização da memória, do conhecimento das coisas”, argumentou.

Lagares também defende a necessidade de construção de políticas públicas que possibilitem que a pessoa idosa permaneça ativa na comunidade. “Continue acessando as atividades culturais e esportivas, continue ativa até o fim de sua vida”, completou.

Conselho Municipal dos Direitos da Pessoa Idosa de Ipatinga

Vasco acrescenta que o conselho municipal contribui com diversas políticas que tem a pessoa idosa como seu destinatário e ainda faz a gestão do Fundo do Idoso. Vários projetos estão em andamento.

“Estão sendo desenvolvidos dez projetos voltados para pessoa idosa, por meio de termos de fomento da Secretaria Municipal de Assistência Social, com recursos do Fundo Municipal do Idoso. São projetos voltados para as instituições de acolhimento, para convivência e fortalecimento de vínculos, serviços de atenção em domicílio e uma campanha de valorização da pessoa idosa”, descreveu.

Dignidade de todos

Vasco argumenta que a defesa de um envelhecimento com dignidade é dever de todos e para o bem de todos. “Não é pensar na pessoa idosa, é pensar em todos, pois se ainda não somos idosos, um dia seremos”, concluiu.

Encontrou um erro, ou quer sugerir uma notícia? Fale com o editor: [email protected]

Comentários

Aviso - Os comentários não representam a opinião do Portal Diário do Aço e são de responsabilidade de seus autores. Não serão aprovados comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes. O Diário do Aço modera todas as mensagens e resguarda o direito de reprovar textos ofensivos que não respeitem os critérios estabelecidos.

Malvadeza

30 de junho, 2022 | 09:15

“Envelhecer com dignidade é também ter uma aposentadoria digna né.”

Bolsonaro 2022

30 de junho, 2022 | 08:16

“Muito bom, devemos sempre orar pela terceira idade, Deus abençoe a todos! A idade avançada é uma bênção de Deus. É Deus quem concede a vida longa e dá a capacidade de desfrutar dela. Deus cuida de seus fiéis ao longo de toda a vida, até na velhice. Deus nunca nos abandona. Os idosos merecem nosso cuidado e respeito, porque viveram muitos anos e têm sabedoria que vem da experiência. O segredo de uma vida longa e completa é amar e seguir Jesus. Mesmo na sua velhice, quando tiverem cabelos brancos, sou eu aquele, aquele que os susterá. Eu os fiz e eu os levarei; eu os sustentarei e eu os salvarei. Isaías 46:4”

Emiliane

30 de junho, 2022 | 07:44

“Parabéns Vasco. Nós aqui do Lar Divina Providência no Iguaçu amamos você.”

Envie seu Comentário