29 de junho, de 2022 | 07:55

Armas, dinheiro e drogas apreendidos com suspeitos em Santana do Paraíso

Divulgação Polícia Militar
A espingarda calibre 12, pistola de calibre 45, munição, dinheiro e porções de drogas apreendidos pelos PMsA espingarda calibre 12, pistola de calibre 45, munição, dinheiro e porções de drogas apreendidos pelos PMs

Policiais militares apreenderam armas de fogo, munição, drogas, dólares e reais depois da abordagem a três pessoas denunciadas de forma anônima. A localização do trio se deu na rua José Maria Rolim, no Residencial Bethânia, em Santana do Paraíso, na noite de terça-feira (28).

O tenente Marochio informou ao Diário do Aço, logo depois da operação, que a equipe Tático Móvel foi informada sobre a presença de pessoas estranhas em um Ford Focus de cor preta. Havia no local um forte odor de maconha, inclusive, um dos suspeitos foi visto segurando um objeto nas mãos, que se assemelhava a uma espingarda, no momento em que foi até um lote e voltou sem o artefato.

Enquanto os policiais se dirigiam para o local denunciado, houve outra informação de que um jovem saiu do veículo e segurava algo na cintura. Este suspeito foi em direção a um conjunto habitacional localizado nas proximidades do local onde estava parado o carro.

O primeiro a ser encontrado foi H.D.R.R., de 21 anos, que se encontrava com R$ 525 no bolso e exalava cheiro de maconha. Mais à frente, em outra rua, estava H.C.S.D., de 33 anos. Ao ser revistado, teve apreendida com ele a quantia de R$ 702. Ele confirmou que era o condutor do Ford Focus.

Em meio a arbustos foi localizada uma espingarda calibre 12 que estava sem munição. No carro havia resíduos de maconha.

Uma outra equipe foi para o conjunto habitacional, pois é o local onde mora um adolescente de 17 anos, conhecido dos policiais. Ele atendeu à chamada no portão e, ao ser questionado sobre as suspeitas, confirmou que estava com uma pistola calibre 45 municiada com sete cartuchos.

A arma foi encontrada sobre uma mesa na sala. O apartamento foi revistado, mas nada mais de ilícito foi encontrado. O adolescente e os outros dois abordados confirmaram aos PMs que se encontravam no veículo, conforme apontou a denúncia anônima.

Os policiais foram à casa de H.C. onde localizaram um cartucho de calibre 12, munição que estava em um tijolo na garagem. Em uma busca nos pertences dele e da esposa dele, uma mulher de 32 anos, em um guarda-roupas foram recolhidos sete cartuchos de calibre 380 e um carregador de pistola calibre 45 com sete cartuchos, equipamento idêntico ao da arma encontrada com o adolescente.

As buscas continuaram e, dentro de um sofá, foi encontrada a quantia de R$ 4.049 e 2.400 dólares dos Estados Unidos. Junto ao dinheiro estavam nove pedras preciosas. O casal alegou que não tinha conhecimento dos ilícitos. A mulher também foi detida e a filha do casal ficou sob os cuidados de uma testemunha.

Apreensão da maconha na terceira residência vistoriada

No encerramento da ocorrência, os PMs foram para a casa do jovem H.D., onde o pai autorizou ser dada uma busca no quarto do filho. No guarda-roupas foram apreendidas 11 porções de maconha.

O jovem teria chegado dos Estados Unidos havia pouco tempo, mas curiosamente na residência casa do outro indivíduo é que os policiais encontraram os dólares, cujo dinheiro o casal também não soube ou não quis informar a origem do dinheiro estrangeiro no sofá, conforme relataram os policiais.

Em conversa com os PMs, H.D. disse que os outros dois jovens estavam de posse das armas de fogo. Eles se encontravam no bairro Industrial, em Santana do Paraíso, e pediram uma carona até o local onde ocorreu a abordagem policial, sem o condutor do Focus pedir algo em troca.

Os quatro detidos nas abordagens da Polícia Militar foram encaminhados para o plantão da 1ª Delegacia Regional de Polícia Civil, junto com o material apreendido. O carro foi removido ao pátio credenciado pelo Detran.

Encontrou um erro, ou quer sugerir uma notícia? Fale com o editor: [email protected]

Comentários

Aviso - Os comentários não representam a opinião do Portal Diário do Aço e são de responsabilidade de seus autores. Não serão aprovados comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes. O Diário do Aço modera todas as mensagens e resguarda o direito de reprovar textos ofensivos que não respeitem os critérios estabelecidos.

Antonio Carlos de Souza

29 de junho, 2022 | 15:35

“A polícia deveria levar esses bandos de desocupados para trabalhar para a comunidade ! Varrer Rua, capinar lotes, fazer cercas , fazer reflorestamento em áreas desocupadas. Quem sabe assim eles arranjam algo para fazer .
Vida boa , vender droga , roubar, assaltar e ainda andar com dinheiro no bolso .”

Envie seu Comentário